sábado, 23 de junho de 2018

Um olhar de liberdade – Thiago Strapasson



Eu olho ao mundo e vejo muitas pessoas lutando consigo mesmas. Mas esse não é um olhar de julgamento, mas de constatação. Como há sofrimento no mundo!

Mas um sofrimento em razão das pessoas estarem carentes de contato com sua própria luz. Elas fecharam por tempo demais a atenção a seus aspectos sombrios. É apenas isso!

Eu olho ao mundo e veja uma grande esfera de luz. Mas nesse oceano brilhante há espécies de pequenos continentes de escuridão. E essa é a beleza dessa esfera de luz, porque ela se movimenta e se entrelaça com sua própria sombra. E o sofrimento está justamente e não ter a capacidade de perceber que apesar do oceano de escuridão há muita luz ao redor.

quarta-feira, 20 de junho de 2018

A esperança movimenta o encontro, mas ele ocorre quando não há esperança – Mestre Confúcio


Queridos,

Que a esperança seja o bálsamo a os conduzir ao amor, e que este seja o alívio que buscam.

Que a busca cesse em si, porque desventurada de esperança e repleta de amor.

Buscam o amor porque tem esperança em encontrá-lo, mas encontram quando deixam de o procurar.

Procuram o amor em tudo, nos relacionamentos, nos animais, na matéria.

Não sabem porque buscam, mas apenas buscam sem saber.

Essa é a esperança, encontrar algo que falta e viver em paz, repleto desse algo.

Projetam essa busca em objetos externos e jamais o encontram.

E um dia se cansam e encontram o que tanto buscavam. Encontram o amor.

Interrompem tantas buscas e encontram o que buscavam, pois o amor é vazio e não está relacionado a nada.

O amor é presente. E fora dele nada existe.

Buscam e quando desistem, encontram.

Uma interessante reflexão.

Sou Confúcio, com amor.

Canal: Thiago Strapasson – 20/06/2018

Fonte: coracaoavatar.blog.br

sábado, 16 de junho de 2018

Um encontro a nos transformar – Mestre Saint Germain



Filhos,

Com o coração alegre me dirijo a cada um de vocês nesse momento. É uma oportunidade de nos encontrarmos, não apenas para quem escreve, mas para cada um que toma contato com essas palavras.

É como se estivéssemos, todos, a tomar contato com essa energia, em uma grande sala. É um ambiente multidimensional onde nos encontramos energeticamente independentemente do tempo que essas palavras são lidas ou ouvidas. 

terça-feira, 12 de junho de 2018

O amor é base e a vocês só cabe viver – Mestra Rowena



Saudações irmãos,

Há algo singelo que os acompanha nessa jornada, esse algo os envolve. E por mais que se neguem a o observar, o amor permeia todas as experiências que vivenciam.

Sei que muitos já ouviram isso, que o amor é e sempre a energia que une, que liga e conecta a tudo. O amor sempre estará a os rodear, por mais que a experiência que estejam inseridos os impeçam de acreditar nessa afirmação. O amor sempre será sua própria natureza.

sábado, 9 de junho de 2018

Compreendendo a alma na vida – Hilarion




Irmãos,

Que o coração esteja repleto de paz, para que desse sentimento haja equilíbrio, harmonia e que, assim, possam se desconectar das ilusões do ego.

A paz que é um sentimento tão característico daqueles que se desligaram dos dramas materiais. Mas por se desligar dos dramas materiais, não queremos dizer deixar de viver a matéria, mas sim estar junto dela com aceitação, com harmonia e equilíbrio.

quarta-feira, 6 de junho de 2018

Como é fora é dentro (As lutas sociais) - Mestre El Morya



Filhos, que as bênçãos do amor vos alegre o coração.

O tempo é de silêncio, de retirar-se do caos do mundo para que a paz possa vos habitar. O tempo é de olharem ao horizonte e caminharem ao encontro da luz, mas de maneira calma e pacífica, livres dos ruídos de toda espécie. O tempo é de caminhar para a imensidão que vos habita.

Quantos são os que digladiam contra o mundo, enchendo-se de rancor, de ódio contra aqueles que acreditam que de alguma maneira os prejudicaram. Não percebem que ao assim fazerem criam mais do mesmo caos dentro de si mesmos.

domingo, 3 de junho de 2018

O dom da vida – Mestre Serapis Bey



Vinde amigos, vinde a mim que vos assisto em amor. Vinde irmãos, vinde ao encontro não do meu, mas de seus próprios corações. Vinde de maneira mansa e pacífica, vinde a mim que vos aliviarei em seus fardos, que vos apaziguarei em suas dores. Vinde ao encontro de meu amor que te mostrarei o dom mais precioso que possuem: O DOM DA VIDA.

Pois vos digo que das amarguras que sofrestes nenhuma delas vos desassistiu de os conduzirem a encontrarem o dom da vida. Cada uma delas vos elevou em sua fé. E assim a vida é um dom magnífico, belo, resplandecente, que ilumina a alma ainda que desassistida da esperança de transformação.